A ESTRATÉGIA DE DIFERENCIAÇÃO COMO FONTE DE VANTAGEM COMPETITIVA NO AGRONEGÓCIO

um estudo de caso

  • Bianca Teciano Zocca Graduanda em Administração na Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias – UNESP – Jaboticabal – São Paulo – Brasil.
  • Lesley Carina do Lago Attadia Galli Profa. Dra. da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias – UNESP – Jaboticabal – São Paulo – Brasil.
  • Sheila Faria Alves Garcia Profa. Dra. da Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias – UNESP – Jaboticabal – São Paulo – Brasil.
Palavras-chave: Diferenciação. Estratégias. Competitividade

Resumo


A adoção de estratégias competitivas de diferenciação por uma organização contribui para que ela se destaque em relação à concorrência e desenvolva as competências necessárias para o crescimento e sustentabilidade organizacional. Dentro desse contexto, o presente trabalho teve como objetivo analisar como uma empresa do agronegócio vem articulando sua estratégia de diferenciação, identificando quais são os fatores facilitadores e restritivos. Para tanto, foi realizada uma pesquisa aplicada de caráter descritivo e abordagem qualitativa, utilizando como método de pesquisa o estudo de caso. Como resultado, observou-se que a empresa analisada utiliza as estratégias de diferenciação com foco em qualidade e inovação do seu produto no mercado.  Já em relação à marca, nota-se que a empresa estudada ainda se encontra em processo de desenvolvimento e expansão dos futuros benefícios que essa estratégia pode proporcionar.

Publicado
28/12/2020
Seção

Mercadológica e Gestão Estratégica da Competitividade Organizacional / Competitividade e vantagem competitiva